Cinema

Jurassic Park III

Jurassic Park III
Título original: Jurassic Park III
Ano: 2001
País: Estados Unidos
Duração: 92 min.
Gênero: Ficção científica
Diretor: Joe Johnston (Mar de Fogo, O Lobisomem [2010], Capitão América - O Primeiro Vingador)
Trilha Sonora: Don Davis (No Limite do Silêncio, Atrás das Linhas Inimigas, Animatrix)
Elenco: Sam Neill, William H. Macy, Téa Leoni, Alessandro Nivola, Trevor Morgan, Michael Jeter, John Diehl, Bruce A. Young, Laura Dern, Taylor Nichols, Mark Harelik, Julio Oscar Mechoso, Blake Michael Bryan, Sarah Danielle Madison, Linda Park
Avaliação: 7/10

Visto via Netflix em 24-JAN-2020, Sexta-feira

Mesmo com todas as coisas que deram errado para os humanos nos dois primeiros filmes da série as pessoas continuam a flertar com o perigo, como demonstra a cena introdutória de Jurassic Park III. Com escopo menor e uma história mais simples, o longa traz de volta o dr. Alan Grant (Sam Neill), que junto com seu principal assistente (Alessandro Nivola) é convencido por um casal de ricaços (William H. Macy e Téa Leoni) a acompanhá-los num sobrevôo turístico sobre uma das ilhas onde os dinossauros foram criados por manipulação genética. Logo ele descobre, infelizmente, que turismo não é exatamente o motivo deles estarem ali. Assim como em Jurassic Park - O Mundo Perdido, a quantidade e variedade de dinossauros neste capítulo impressiona, incluindo aí um novo predador alfa (o T-rex é desbancado sem cerimônia pelo "spinossauro") e a participação maciça de pterodáctilos. A ação é o ponto forte do roteiro, que em sua essência é um thriller de sobrevivência com quase nada de gordura. O resultado é definitivamente mais coeso e satisfatório que o do filme anterior, ainda que Téa Leoni não tenha muito o que fazer em cena.

Valid XHTML 1.0!Valid CSS!