Cinema

Hellraiser - Revelations

Hellraiser - Revelations
Título original: Hellraiser - Revelations
Ano: 2011
País: Estados Unidos
Duração: 77 min.
Gênero: Ficção científica
Diretor: Víctor García (De Volta à Casa da Colina, Predador Ártico, Espelhos do Medo 2)
Trilha Sonora: Frederik Wiedmann (Visus - O Segredo da Arca, Ecstasy, O Albergue 3)
Elenco: Nick Eversman, Jay Gillespie, Steven Brand, Sebastien Roberts, Tracey Fairaway, Devon Sorvari, Sanny van Heteren, Daniel Buran, Stephan Smith Collins, Jolene Andersen, Camelia Dee, Sue Ann Pien, Adel Marie Ruiz
Avaliação: 6/10

Visto via Netflix em 18-SET-2016, Domingo

Ameaçada de perder os direitos sobre a franquia se não lançasse mais um capítulo de Hellraiser, eis que a Dimension Films comissionou a realização rápida e rasteira de Revelations, o nono capítulo da saga dos cenobitas liderados por Pinhead, aqui interpretado pela primeira vez por outro ator que não o já veterano Doug Bradley. Injustamente massacrado pela crítica e por fãs sem noção, Revelations está na verdade um degrau acima dos capítulos que o precederam, muito em parte porque foi concebido como uma legítima sequência da série ao invés de ter partido de um roteiro posteriormente incorporado à sua peculiar mitologia. A história é centrada no mistério do desaparecimento de dois adolescentes que cruzam com o cubo demoníaco que abre as portas do inferno, e na desestruturação que isso provoca em suas famílias. Percebe-se visivelmente que o elenco jovem dá o sangue em cena (também de forma literal), enquanto os adultos parecem estar ali somente para pagar as contas. Felizmente a história flui num bom ritmo, com dose razoável de gore e até mesmo algumas reviravoltas. Stephan Smith Collins teve a voz dublada enquanto deu vida ao novo Pinhead, mas faz o dever de casa e na minha opinião fisicamente dá conta do recado.

Valid XHTML 1.0!Valid CSS!