Cinema

O Estranho

O Estranho [1946]
Título original: The Stranger
Ano: 1946
País: Estados Unidos
Duração: 95 min.
Gênero: Suspense
Diretor: Orson Welles (A Dama de Shanghai, Macbeth - Reinado de sangue, A Marca da Maldade)
Trilha Sonora: Bronislau Kaper (A Coragem de Lassie, Emoção Secreta, As Delícias da Vida)
Elenco: Orson Welles, Edward G. Robinson, Loretta Young, Philip Merivale, Richard Long, Konstantin Shayne, Byron Keith, Billy House, Martha Wentworth, David Bond, John Brown, Neal Dodd, Nancy Evans
Avaliação: 7/10

Visto via Netflix em 18-SET-2018, Terça-feira

Dando sequência às atividades de caça aos criminosos de guerra alemães, um investigador do comitê responsável (Edward G. Robinson) decide libertar um alemão condenado (Konstantin Shayne) na tentativa de localizar outro mais perigoso, que no caso está profundamente infiltrado em solo norteamericano. Quer o destino que eles se encontrem numa cidadezinha de Connecticut, onde o alvo da operação (Orson Welles) adotou uma nova vida como professor e está para se casar com a bela filha do promotor local (feita por Loretta Young). O que se segue é um ardiloso jogo de gato e rato entre o detetive e o nazista infiltrado, que se vê obrigado a tomar decisões que cada vez mais colocam em risco seu disfarce. Excetuando a caracterização inadequada de Welles como um alemão que fala inglês sem nenhum sotaque, o restante do elenco está bem escalado e conduz bem a narrativa, num longa fortemente calcado no contraste entre luz e sombra. Welles manteve o estilo fotográfico que o consagrou em Cidadão Kane, mas não pôde ir contra os cortes de estúdio que truncaram o arco inicial mostrando a infiltração do criminoso alemão na América através de um país latino. Apesar desse pequeno detalhe, O Estranho é movimentado o suficiente para prender a atenção da plateia.

Valid XHTML 1.0!Valid CSS!